O Quarto de Jack

Confira a lista de 10 filmes com mães icônicas

Hoje (09) em comemoração ao Dia das Mães, trazemos a vocês uma lista de 10 filmes com mães icônicas da cultura pop para celebrar essa data especial. Confira abaixo a galeria de filmes com mães que deixaram sua marca no cinema, brilharam e foram importantes para seus filhos.

Siga nossas redes sociais:

10. Sonya Carson (Kimberly Elise) – Mãos Talentosas

Abrindo a nossa lista de filmes de mães, trazemos o longa Mãos Talentosas. Baseado na história real do grande neurocirurgião Ben Carson (Cuba Gooding Jr.), um menino negro e pobre que tinha problemas na escola. Mas, graças à determinação e incentivo de sua mãe, uma mulher negra, pobre e analfabeta que criou sozinha os dois filhos, Carson tornou-se um profissional admirado e exemplar, um grande estudioso. Sonya é aquela mãe que incentiva os filhos a serem melhores, que acredita que os estudos, uma boa dose de incentivo e nunca desistir dos sonhos, são a chave para o sucesso e uma vida melhor.

9. Val (Regina Casé) – Que Horas Ela Volta?

Não podia faltar um longa nacional na lista de filmes de mães, não é mesmo? Que Horas Ela Volta? conta a história da empregada doméstica, Val (Regina Casé) que sai de sua terra natal no Nordeste do Brasil e vem para São Paulo com o intuito de proporcionar melhores condições de vida para a filha, Jessica. Val trabalha numa casa de família e mora com eles também, criando assim o filho de seus patrões. Ironicamente, uma mãe que teve que deixar sua filha para criar o filho de outra pessoa. Mas tudo muda na vida de Val com a chegada de Jessica à casa de seus patrões. Val é aquela mãezona que cuida à sua maneira da melhor forma que acredita, abrindo mão da convivência com sua filha pra lhe proporcionar uma vida melhor, ou seja cuidando do filho de seus patrões, dando-lhe o amor e carinho que não pôde dar à sua própria filha.

8. Isabel Kelly (Julia Roberts) – Lado a Lado

filmes mães

Isabel é uma jovem e bem-sucedida fotógrafa que ganha dois enteados nada fáceis de lidar, filhos de seu atual namorado Luke, interpretado por Ed Harris que é ex marido de Jackie (Susan Sarandon). Jackie não facilita a relação de seus filhos com a madrasta até que descobre que tem um câncer terminal e se vê numa difícil tarefa, preparar Isabel para assumir o papel de nova mãe de seus filhos. Isabel nos mostra que o amor de filho para uma mãe não pode e nem deve ser substituído, mas sempre há um lugar especial para aqueles que nos amam. Quem disse que toda madrasta tem que ser má?

7. Christy Beam (Jennifer Garner) – Milagres do Paraíso

filmes mães

O filme, baseado em uma história real, gira em torno de Christy Beam (Jennifer Garner), que vive com sua família cristã em uma fazenda no Texas, até que uma de suas três filhas, Anna (Kylie Rogers), adoece seriamente e é diagnosticada com uma doença intestinal rara, incurável e potencialmente fatal. Christy, então, inicia uma obstinada trajetória para aliviar o sofrimento da filha. O desgaste da situação abala a sua fé e a afasta da religião. Christy nos mostra que uma mãe, mesmo com sua fé cristã colocada à prova, jamais perde a esperança de que sua filha melhore, mesmo que através de um milagre.

6. Christine Collins (Angelina Jolie) – A Troca

filmes mães

Nesse filme, também baseado numa história real, e dirigido por Clint Eastwood, conhecemos Christine Collins (Angelina Jolie), uma mãe solteira dos anos 20 que sozinha, cria seu único filho de 9 anos que desaparece misteriosamente. A polícia rapidamente soluciona o caso e entrega à Christine uma outra criança que não é seu filho. Quando ela questiona as autoridades, é considerada por eles doente mental e mãe incapaz. Christine nunca desiste de procurar por seu filho e enfrenta bravamente as autoridades em uma época em que mulheres não possuíam voz e nem muitos direitos, nos fazendo lembrar que uma mãe jamais desiste de seu filho, jamais!

5. Leigh Anne Tuohy (Sandra Bullock) – Um Sonho Possível

Nessa história baseada em fatos reais, que rendeu à Sandra Bullock o Oscar de Melhor Atriz, conhecemos o passado da vida de um jogador da NFL, Michael Oher, um garoto pobre, sem lar e que tem sua vida completamente transformada quando conhece Leigh Anne Tuohy (Sandra Bullock), uma mulher branca, rica que oferece a Michael a oportunidade de ter uma família e um lar amoroso. Leigh Anne nos ensina que um amor de mãe pode transcender laços sanguíneos e transformar vidas positivamente.

4. Zoe (Jennifer Lopez ) – PLANO B

filmes mães

Nessa comédia romântica conhecemos a bela Zoe, interpretada por Jennifer Lopez. Uma mulher que, cansada de esperar pelo homem certo para formar uma família, decide realizar seu maior sonho sozinha, optando por uma inseminação artificial. O que Zoe não esperava era conhecer, no mesmo dia, Stan (Alex O’Loughlin), que surge como uma possibilidade real de relacionamento. Zoe nos ensina que quando uma mulher tem o sonho de tornar-se mãe e formar uma família, ninguém pode impedi-la, nem mesmo a falta de um parceiro.

3. Joy (Brie Larson) – O Quarto de Jack

filmes mães

Nesse suspense podemos conferir o trabalho de Brie Larson interpretando Joy, mãe de Jack, que mesmo sendo mantida em cárcere por seu abusador e pai de seu filho, transforma um pequeno quarto em um mundo acolhedor e lúdico para seu pequeno, até que chega ao seu limite e arquiteta um plano de fuga para Jack. Joy nos mostra que o amor de uma mãe é capaz de sacrificar até sua chance de liberdade desde que esse sacrifício seja garantir a liberdade e uma vida fora dali ao seu filho.

2. Michaela Odone (Susan Sarandon) – Óleo de Lorenzo

filmes mães

Nesse drama baseado em fatos reais, acompanhamos a saga de Michaela Odone e seu marido para descobrir um remédio para a doença rara de seu pequeno filho de 6 anos, Lorenzo, o qual daria mais tempo de vida a ele. Michaela é uma mãe que luta para que seu filho melhore e sobreviva.

1. Mary (Hillary Swank) e Martha (Brenda Blethyn) – Mary and Martha: Unidas pela Esperança

filmes mães

Mary (Hillary Swank) é uma mulher norte americana que perdeu seu filho vítima de malária na África. Martha (Brenda Blethyn) é uma mulher britânica que assim como Mary, também perdeu seu filho da mesma forma. Juntas elas decidem superar o luto e dedicar inteiramente suas vidas para ajudar as vítimas da doença que tirou a vida de seus filhos.