DPA 3

DPA 3 – Uma Aventura no Fim do Mundo estreia em junho de 2020

Detetives do Prédio Azul (D.P.A.), principal produção nacional e marca líder do canal Gloob, faz tanto sucesso na TV que não poderia ser diferente no cinema. O primeiro filme sobre o trio mirim de detetives levou mais de 1,2 milhão de espectadores aos cinemas em 2017. O segundo longa repetiu a dose em 2018, com um público que ultrapassou 1,3 milhão de pessoas. Agora, a trupe parte para mais uma aventura no terceiro filme da franquia: DPA 3 – Uma Aventura no Fim do Mundo, que começou a ser rodado no dia 1º de agosto, no Rio, com direção de Mauro Lima.

Siga nossas redes sociais:

Sobre DPA 3

Além de suas tradicionais capas e acessórios, dessa vez os imbatíveis, invencíveis e incomparáveis Detetives do Prédio Azul vão precisar de luvas, casacos e botas! Unidos à feiticeira Berenice (Nicole Orsini), que já é membro honorário do grupo, eles vão, literalmente, para o Fim do Mundo, como é conhecida a região de Ushuaia, na Patagônia Argentina, que será uma das locações do novo filme.  Com produção da Paris Entretenimento, coprodução do Gloob e da Globo Filmes, DPA 3 – Uma Aventura no Fim do Mundo terá participações especiais de Lázaro Ramos, Alinne Moraes, Alexandra Richter, Klara Castanho e Rafael Cardoso. No Rio, algumas das locações são a Base Aérea de Santa Cruz, o Musal – Museu da Aeronáutica, Fábrica Bhering, a Casa França Brasil, além da Pedreira Tamoio, em Vargem Pequena.

“Chegamos ao terceiro filme de D.P.A. com uma aventura congelante no fim do mundo. Depois de 12 temporadas já exibidas e dois longas nos cinemas, mantemos o desafio de nos superarmos a cada lançamento, entregando histórias capazes de engajar, emocionar e nas quais as crianças podem se reconhecer. D.P.A. também traz valores importantes para o nosso público, como a força do trabalho em equipe e tudo o que somos capazes de realizar quando nos unimos em prol de um objetivo”, comenta Paula Taborda dos Guaranys, diretora de conteúdo e programação da unidade infantil da Globosat.

“D.P.A. confirma a importância de investirmos em propriedades intelectuais brasileiras e personagens fortes, e também de termos no cinema boas histórias para toda a família”, diz Márcio Fraccarolli, CEO da Paris Filmes.

Em DPA3 – Uma Aventura no Fim do Mundo, Pippo (Pedro Henriques Motta), Bento (Anderson Lima) e Sol (Letícia Braga) se vêem em apuros quando Severino (Ronaldo Reis) encontra um objeto em meio aos escombros de um avião. O que parecia uma inofensiva relíquia era, na verdade, uma das faces do Medalhão de Uzur, responsável por controlar e manipular toda a magia existente no mundo. Assim que coloca o artefato no pescoço, o porteiro tão querido começa a se transformar em uma figura maligna.

Quando as coisas pareciam não poder ficar piores, as bruxas Duvíbora (Alexandra Richter) e sua filha Dunhoca (Klara Castanho) estão dispostas a fazer qualquer coisa para colocar as mãos na relíquia. Com as vilãs em sua cola, eles precisam correr contra o tempo para encontrar a metade do bem do medalhão. Sem ajuda de Leocádia (Claudia Netto), Theobaldo (Charles Myara) e Vó Berta (Suely Franco), que tiveram seus poderes neutralizados por Severino, os detetives e Berê, conduzidos pelo Comandante Téo (Rafael Cardoso), partem em uma viagem até o Fim do Mundo, um lugar congelante e repleto de magia. Por lá, são ajudados pelos ‘Inspetores de La Casa Naranja’, os detetives argentinos Pablo, Alejandra e Juanita, e pelo mago Elergun (Lázaro Ramos), dono de uma fábrica de doce de leite que, na verdade, abriga mais segredos do que doçuras.

Com distribuição da Paris Filmes e Downtown Filmes, o filme tem estreia nos cinemas prevista para junho de 2020.

Leia também:

Assista também: