Meu Amigo Enzo

No dia 15 de agosto chega aos cinemas Meu Amigo Enzo, a adaptação da obra literária “A Arte de Correr na Chuva”. Essa crítica NÃO CONTÉM SPOILERS!

Meu Amigo Enzo trailer

Siga nossas redes sociais:

Mas afinal, o filme é bom?

Os amantes de romance, drama e filmes de cachorro vão amar Meu Amigo Enzo. Contado do ponto de vista do cachorro, o longa narra a história de vida de Denny (Milo Ventimiglia), um piloto de carros que sonha com a Fórmula 1. Dinâmico e direto, o roteiro não faz rodeios para desenvolver a trama, e entrega a sequência de acontecimentos de forma gradativa e evolutiva.

Mesmo se tratando de um romance literário, Meu Amigo Enzo apresenta vários elementos da vida como ela é. O título original em inglês, The Art of Racing in the Rain (A Arte de Correr na Chuva), faz um paralelo com o lado profissional e a habilidade do protagonista, mas traz consigo uma mensagem muito mais profunda e reflexiva sobre a vida. Enfrentar as adversidades e atribulações do dia-a-dia, é o que nos torna gradativamente mais fortes e preparados para os golpes que a vida nos dá. E é exatamente essa a reflexão que o filme apresenta ao longo de suas mais de duas horas.

Milo Ventimiglia esbanja carisma e sensibilidade. O ator traz para as telas um protagonista humano, batalhador, apaixonado e perseverante. Ao longo da história vamos nos encantando com sua trajetória de vida, sua relação com Eve (Amanda Seyfried), com Enzo e principalmente com as adversidades e dificuldades que são apresentadas. De forma instantânea, geramos empatia pelo personagem e por sua jornada. Milo consegue manter o público preso na trama e atua muito bem ao lado do cachorro, que é dublado por Kevin Costner.

Amanda Seyfried interpreta Eve, o par romântico de Denny. A personagem participa de alguns momentos marcantes da história, e nos leva às lágrimas ao longo do filme.  Contudo, sua personagem não tem peso o suficiente para que a atriz entregue sua melhor atuação. De modo geral, ela vai bem dentro do que é proposto, mas nada além disso. Sua química com Milo é convincente e eles funcionam bem em tela como um casal.

Meu Amigo Enzo chega aos cinemas de forma despretensiosa e acaba surpreendendo com uma história humana e que fará muitas pessoas se identificarem. A vida é cheia de surpresas, algumas boas e outras ruins, e o mais importante é saber lidar com cada uma das situações. O longa traz no cerne de sua trama uma importante lição sobre perseverança e resiliência.

Se você ama filmes com cachorros, é fã dos atores ou leu a obra literária, não perca a estreia de Meu Amigo Enzo. O longa vai te divertir, emocionar, fazer chorar e sair do cinema pensando e valorizando cada momento da vida!