Wilson Fisk

A 3ª temporada de Demolidor chega em 19 de outubro ao catálogo da Netflix. Dentre os personagens que retornarão, está Wilson Fisk. Muitos podem ter conhecido o Rei do Crime por meio da série, mas os fãs de quadrinhos sabem que sua sede de poder atraiu a atenção de muitos heróis.

Mas afinal, quem é o Rei do Crime?

Siga nossas redes sociais:

A ascensão de Wilson Fisk

Um dos supervilões mais conhecidos do Universo Marvel, Wilson Grant Fisk apareceu pela primeira vez nos quadrinhos em The Amazing Spider-Man #50 (1967). Depois de sofrer bullying durante sua infância por conta da obesidade e pobreza, Fisk decidiu elevar seu corpo ao status de arma para atingir o sucesso. Tendo cometido seu primeiro assassinato aos 12 anos, passou a ver no submundo do crime a solução de seus problemas.

Porém, Fisk queria ser mais do que um peão para os criminosos de Nova York. Acreditando que a força física e inteligência seriam cruciais, se tornou autodidata nas áreas que alimentariam seu corpo e mente. Tornou-se mestre em autodefesa e combate corpo a corpo. Apesar da origem pobre, adquiriu um refinado gosto pela arte e grande conhecimento científico. Durante suas pesquisas, a política o fascinou particularmente, já que percebeu sua importância para gerir os grupos criminosos.

A carreira criminal de Wilson Fisk começou ao ser contratado como guarda costas do chefe da Máfia, Don Rigoletto. Tomando controle das operações de Rigoletto e matando-o, Fisk começou a estabelecer seu império. Assumindo o apelido zombador usado pelas suas costas como nom de crime, o submundo de Nova York passou a temer o Rei do Crime.

Sendo um grande estrategista, Fisk se preocupou em sempre investir seus ganhos sujos em empreendimentos legais. Depois de uma década como líder criminoso, Fisk era visto como um homem de sucesso legítimo e proeminente membro da sociedade nova-iorquina.  Nesse ponto de sua vida, conheceu Vanessa Marianna, uma bela jovem que lhe deu a paz de espírito que buscava depois de tantos anos na luta por poder. Diferente do mostrado na série, os quadrinhos nunca deixaram claro se Vanessa sabia das atividades de Fisk antes do matrimônio. Porém, é inegável que a moça se tornou ciente de seu status e não o reprimiu.

O Rei do Crime contra o Homem-Aranha

Para os que conheceram Wilson Fisk pela Netflix, talvez seja difícil desassociá-lo da figura do Demolidor. Mesmo que o Rei do Crime esteja presente nas grandes histórias do herói, não é possível considerá-lo um arqui-inimigo apenas de Murdock. Como dono da criminalidade de Nova York, nada mais natural do que atrair a atenção de todos os heróis da cidade.

Por quase duas décadas, Fisk teve o Homem-Aranha como principal empecilho ao seu plano de controlar a cidade. Durante a aparente aposentadoria do Cabeça de Teia, o Rei do Crime finalmente conseguiu criar sua coalizão de criminosos. Mas, sendo impedido pelo retorno do herói, viu sua imagem desmoronar ao ser desmascarado publicamente por J. J. Jameson.

Em meio ao escândalo, seu próprio filho não foi capaz de apoiá-lo, mas não por desprezar os feitos do pai. Richard Fisk forjou sua morte e retornou à Nova York como o criminoso Schemer, desejando tomar o império de seu pai para si. Tendo de se unir para combater o Homem-Aranha, pai e filho decidem dividir o império. Richard ficou com a divisão de Las Vegas, onde mais tarde se uniu à HYDRA. Já Fisk se rendeu às pressões de Vanessa e aceitou se aposentar.

A obsessão por Matt Murdock

Como parte de sua saída do mundo do crime, Fisk concordou em entregar arquivos que não apenas o incriminavam, mas também cada senhor do crime e os policiais que os acobertavam. Em resposta, Vanessa foi sequestrada e sua aparente morte trouxe o Rei do Crime de volta à ativa, mais violento do que nunca. Quando os arquivos caem nas mãos do Demolidor, Fisk o incita a torna-los públicos, já que facilitaria sua tomada de poder perante os criminosos presos.

Quando o Demolidor mantém as evidências escondidas para atrasar os planos de Fisk, este contrata Elektra como sua assassina. Mesmo após o herói ter encontrado Vanessa viva, o Rei do Crime ordenou que Elektra matasse seu amigo, Foggy Nelson. Falhando na tarefa, Elektra acabou sendo morta pelo Mercenário, mas o plano permitiu que Fisk conhecesse a verdadeira identidade do Demolidor.

Usando toda a sua influência, Wilson Fisk destrói a vida civil e profissional de Murdock. Instigado pelo seu sucesso, se torna cada vez mais obcecado pela destruição total do Demolidor. O assassinato brutal de Ben Urich, a morte diária de policiais e de dezenas de civis foram algumas das medidas tomadas por Fisk. Mesmo que tenha escapado da Justiça, os atos extremos destruíram sua reputação.

Depois do jogo de gato e rato, Fisk foge para o Japão após a morte real de Vanessa. Realizando o último desejo da mulher de seu inimigo, Murdock assume o caso de Fisk contra os EUA. Ele sairia livre de seus crimes, desde que abrisse mão de sua cidadania e nunca mais retornasse ao país. Esse parecia ser o fim do temido Rei do Crime.

Anos 2000

Parecendo ter sido deixado de lado nas narrativas principais da Marvel, o Rei do Crime esteve presente em diversos títulos, mas nunca com a sua anterior importância. Pode ser visto nas Guerras Civis ou enfrentando diferentes heróis, mas sua relevância só é aparente ao confrontar o Demolidor.

Como quando tentou tomar o poder do Tentáculo em O Retorno do Rei e acabou sendo detido por Murdock, que roubou a liderança para si. Ou ao ser eleito prefeito de Nova York depois de ajudar os heróis a derrotar a HYDRA, se virando contra seus novos aliados e capturando os heróis de rua que estão ao lado do Demolidor. Seu plano é recomeçar o império de crime, tendo apenas que se preocupar com Murdock.

O segundo arco foi lançado em 2017 e é o mais elaborado de Fisk desde os anos 90. Fica evidente que o personagem ganhou um novo fôlego graças à série da Netflix. Depois de adaptações esquecíveis em desenhos, jogos e filmes, Wilson Fisk encontrou em Vincent D’Onofrio redenção. O ator conseguiu trazer a calma assustadora de um estrategista e a insegurança de um bullied para as telas. Tudo acompanhado com uma caracterização impecável.

Em 19 de outubro, a Netflix disponibilizará a 3ª temporada de Demolidor. Com o Mercenário confirmado e a possível volta de Elektra, Wilson Fisk assume mais uma vez a posição de arqui-inimigo do Diabo de Hell’s Kitchen. Com a saída do Rei do Crime da cadeia, Murdock deverá decidir entre se contentar com a vida de civil ou abraçar de vez o manto de herói.

Leia também:

Assista também: