The Walking Dead 9x01

The Walking Dead 9×01 – Não mudou nada!

Ontem (08) The Walking Dead 9×01 estreou no canal FOX, trazendo uma discussão muito pertinente para os dias atuais. Esse post CONTÉM SPOILERS!

Siga nossas redes sociais:

O mesmo lenga lenga

O episódio de The Walking Dead 9×01 voltou a repetir a velha fórmula: não acontece nada, enrola, enrola e termina com um bum. Não é possível que os roteiristas não aprenderam nada com a enxurrada de críticas, sério. A AMC não perdeu audiência? Tem alguém medindo a taxa de rejeição da série nas redes sociais? Confesso a você que mesmo estando ruim, eu sigo assistindo e vou até o final, mas é mais do que claro que a produção precisa mudar pra anteontem.

Uma série que tem episódios com mais de 50 minutos de duração tem que ter mais dinamismo, ação e elementos que minimamente mantenham os espectadores intrigados e acordados. Não dá pra ficar contemplando, viajando na maionese com diálogos reflexivos e momentos que não levam a lugar nenhum.

O recomeço

É legal ver que as comunidades estão cada vez mais caminhando para retornar ao modelo de sociedade que vivemos. A série trabalhou a desconstrução da humanidade, revelou o pior lado do homem e agora colocou seus personagens num caminho que leva direto ao que era o mundo antes do apocalipse. A sociedade precisa de regras, liderança e punições para quem for contra a paz e a harmonia, e é exatamente nesse ponto que o episódio de The Walking Dead 9×01 pega.

Achei interessante e muito pertinente uma frase de Rick: “Estamos buscando no passado algo que nos ajude no presente”. Isso faz uma conexão direta com os tempos atuais que vivem os brasileiros. Para uma sociedade progredir é preciso aprender com os erros do passado e levar a história em consideração. Fanatismo, extremismo e ignorância, nunca são a solução para nada. Para progredir, é necessário reconhecer os erros e mudar.

Os conflitos

Desde o início da série vemos os conflitos se estabelecendo dentro do grupo, ainda mais agora com quatro comunidades coexistindo e cooperando entre si. Era mais do que esperado que os atritos e divergências ideológicas fossem começar a pegar e causar problemas. O episódio de The Walking Dead 9×01 explorou o sentimento que Daryl e Maggie têm em relação à decisão de Rick em manter Negan e os Salvadores vivos. Esse ponto também é muito pertinente para os dias atuais do Brasil. Reflita sobre isso: você é capaz de perdoar quem já te machucou? Você consegue deixar para trás as atitudes de quem te fez sofrer? Não adianta pregar amor, união, liberdade e direitos iguais se você não souber perdoar. Se ao ter o poder nas mãos, você julgar, condenar e executar a sentença, você não se torna melhor do que aqueles que te fizeram mal, muito pelo contrário, você se torna a mesma coisa ou até pior.

O grande desafio da série nunca foi os zumbis. Os walkers nada mais são do que os vírus, bactérias e doenças que estão presentes no nosso dia-a-dia. Temos que nos cuidar, temos que nos proteger e nos defender, mas a verdade é que a maior ameaça da sociedade é o próprio homem. A falta de empatia, tolerância, solidariedade e amor para com o próximo nos tornam animais ferozes e irracionais, fazendo com que aqueles que estão ao nosso redor sofram com isso. Rick precisará encontrar uma forma de se impor sem se tornar autoritário e ditatorial como Negan, caso contrário, ele perderá completamente o controle da situação e as comunidades sucumbirão.

A morte do final

É engraçado falar sobre essa morte, pois ela vai contra todo o discurso pregado acima. Gregory mereceu? Há tempos ele merece sair de cena e pagar pelas suas artimanhas, manipulações e por ser um rato sujo e baixo como sempre foi. Maggie foi extrema? Foi! Na tentativa de se impor, ela acabou se tornando aquilo que ela mais odeia, Negan. A viúva de Glenn não consegue pisar em Alexandria, pois o assassino de seu marido está preso, mas ela sentencia à morte um homem que se levantou contra ela. Complicado, né?

Maggie está se perdendo em meio as suas emoções e deixando o rancor tomar conta do seu coração. Lembra das perguntas que fiz acima? Pois é, ela é a prova de que o ser humano não sabe perdoar, não sabe responder à violência de outra forma que não seja com violência. Para a harmonia deixar de existir e o caos se estabelecer de vez, basta um gatilho. Prova disso são as duas grandes guerras mundiais que tivemos. O mundo precisa de amor, união, solidariedade, empatia, mas acima de tudo, precisa do perdão. Só seremos seres humanos melhores quando aprendermos a perdoar aqueles que nos fizeram mal. Não adianta usar canudo de vidro e não comer carne se você xinga e derrama ódio na internet contra aqueles que divergem do que você pensa.

 

The Walking Dead começou igual e sem empolgar. A saída de Rick vai acontecer antes do final dessa temporada. O que pergunto a você é: como isso irá acontecer e quem assumirá o papel de protagonista da série?

Leia também:

Assista também: