1ª temporada de The Good Doctor

Já está disponível no Globoplay, a 1ª temporada de The Good Doctor, uma série para quem é fã de tramas médicas. Essa crítica NÃO CONTÉM SPOILERS!

Siga nossas redes sociais:

Mas afinal, a 1ª temporada de The Good Doctor é boa?

Na trama, Shaun Murphy, um jovem cirurgião com autismo e síndrome de savant, que troca uma vida tranquila no interior para se unir a uma unidade cirúrgica de um hospital prestigiado. Sozinho e com extrema dificuldade de se conectar em nível pessoal com aqueles que o rodeiam, Shaun usa seus extraordinários dons médicos para salvar vidas e desafiar o ceticismo de seus companheiros profissionais.

Do mesmo criador de HouseThe Good Doctor é uma série baseada numa produção oriental, na qual somos apresentados a um cirurgião autista. Só isso já é motivo suficiente para nos deixar intrigados e curiosos. Contudo, além da parte médica que já é interessante, a série nos traz uma sensibilidade incrível e apela para o nosso lado emocional. Se você chora com facilidade, separe um lencinho antes de assistir, ok?

1ª temporada de The Good Doctor consegue ser extremamente envolvente e carismática. A trama se desenrola de uma forma tão gostosa que é muito fácil de maratonar. Você se envolve tanto com a história dos personagens que não consegue parar de assistir. Além disso, preciso enaltecer o roteiro que divide muito bem a trama entre o protagonista e os personagens secundários. Todos têm tempo para desenvolver seus arcos individuais e nos mostrarem suas características, motivações e lados positivos e negativos.

Ainda sobre o roteiro, essa divisão na trama faz com que o protagonista fique apagado e os secundários acabem tomando conta da história em alguns episódios. Contudo, isso não chega a ser negativo, pois, ambas as tramas são interessantes de ver e os personagens são bem construídos e nos proporcionam bons momentos e dramas envolventes.

Freddie Highmore é um baita de um ator. Já conhecemos seu lado psicótico em Bates Motel e agora nos deparamos com uma figura extremamente doce, inocente e inteligente. Não tem como você não se apaixonar pelo doutor Shaun Murphy, pois a forma como o ator construiu o protagonista é impressionante. Ver Freddie atuando no espectro é incrível, pois ele nos passa uma verdade convincente e muito respeitosa para com os autistas. Sua interação com o elenco é muito boa e é divertido ver a forma como cada personagem reage com ele no ambiente. O protagonista irá te divertir, emocionar e deixar impressionado.

The Good Doctor chega com uma nova proposta em relação às várias séries médicas que já conhecemos, além de aproximar o público do mundo autista. Espero que a série quebre o preconceito, a ignorância e faça com que as pessoas tenham um pouco mais de compreensão de como lidar com as pessoas que vivem no espectro. Vale muito a pena assistir, você não vai se arrepender.