No dia 02 de agosto, estreia Ana e Vitória – O Filme, uma comédia romântica musical. Fique tranquilo, essa crítica NÃO CONTÉM SPOILERS!

Anavitória

Siga nossas redes sociais:

Mas afinal, o filme é bom?

Ana e Vitória se conhecem em uma festa e decidem cantar juntas. São descobertas por um empresário carioca e chegam ao estrelato, recebendo um disco de platina. Ana está em busca do amor de sua vida e Vitória em busca de um amor livre e sem amarras. Será que conseguirão viver um grande amor?

Ana e Vitória é um filme moderno, atual e que trata o amor e as relações de forma leve, sem paradigmas, preconceitos e polêmicas. Tudo acontece de forma natural e sem longos debates do que é certo ou errado. A verdade é que o mundo deveria ser assim. Se cada um cuidasse da sua própria vida ao invés de perder tempo julgando e acompanhando a o dia-a-dia do outro, teríamos uma sociedade livre de violência, discriminação e preconceito.

Direcionado ao público jovem, o longa aborda o amor, os sonhos e planos que giram em torno de uma fase da vida repleta de pressões e decisões importantes a serem tomadas. O que vai ser de mim, o que vai ser do meu futuro, eu estou fazendo a coisa certa, essa é a pessoa certa? Essas são algumas das perguntas que essa geração se faz todos os dias e que o roteiro aborda de uma forma muito leve, divertida e fofa.

Fofura deveria ser o nome do meio de Ana Caetano Vitória Falcão. As duas encantam com a simplicidade, doçura e a voz aveludada e envolvente. Em termos de atuação, as meninas começam tímidas e meio travadas logo no início do longa, mas, com o desenrolar da trama, elas vão se soltando e ficando mais naturais. Me impressionou o quão cativantes e carismáticas elas conseguiram ser logo no primeiro longa-metragem. Talvez pelo fato do roteiro se basear em eventos reais, tenha facilitado o trabalho. Mas, de qualquer forma, preciso enaltecer como foi satisfatória a presença delas em tela, me surpreendi.

A musicalidade é um elemento que precisa ser destacado em Ana e Vitória – O Filme. O roteiro foi muito bem construído e amarrado com as letras das canções, que muitas vezes ocuparam o lugar das falas. Os números musicais abrilhantam o filme e trazem a doçura e a emoção passada nos palcos pela dupla. Se você já é fã e acompanha a carreira das meninas, esse filme é imperdível.

O elenco coadjuvante vai bem e nos diverte em tela, sem ofuscar as protagonistas. Durante todo o filme elegemos o nosso personagem favorito e passamos a torcer para que elas o escolham como par romântico. Mas, como o longa é cheio de reviravoltas amorosas, tudo pode acontecer no final. Depois que assistir volte para nos contar se elas ficaram com o par que você torcia.

Com uma linguagem moderna, leve e livre dos paradigmas e clichês, Ana e Vitória – O Filme é mais um passo dado na carreira de sucesso das meninas. O filme vai te fazer rir, emocionar, proporcionar uma surra de momentos fofos e te deixará ainda mais fã das meninas. Vale a pena conferir!