Hoje (22) chega aos cinemas Por Trás dos Seus Olhos, o novo filme distribuído pela Paris Filmes. Fique tranquilo, essa crítica NÃO CONTÉM SPOILERS!

trailer de Por Trás dos Seus Olhos

Siga nossas redes sociais:

Mas afinal, o filme é bom?

Gina (Blake Lively) e o marido James (Jason Clarke) têm um casamento quase perfeito. Depois de ficar cega quando criança, em um acidente de carro que tirou a vida de seus pais, Gina depende de James para enxergar – uma dependência que parece solidificar um relacionamento afetivo entre ambos. Ela vê seu mundo em sua própria imaginação vívida e com a ajuda das descrições de James sobre a vida diária. Apesar de sua deficiência, os dois aproveitam uma vida colorida em Bangkok, na Tailândia, onde James trabalha em seguros e Gina explora a vida em um país estrangeiro. Parece que a única dificuldade real que esse casal enfrenta é a dificuldade em conceber uma criança. Quando Gina tem a oportunidade de fazer um transplante de córnea e recupera sua visão, sua vida e seu relacionamento são transformados. Ela agora vê o mundo com um novo senso de admiração e independência que aparenta ser uma ameaça para James. É só quando Gina de repente começa a perder a visão novamente que ela finalmente vê a realidade perturbadora de seu casamento e suas vidas.

Por Trás dos Seus Olhos começa despretensioso e lento, mas vai te envolvendo conforme as coisas vão se desenrolando e ficando intensas. É muito interessante enxergar através dos olhos de Gina (Blake Lively). O diretor Marc Forster conseguiu proporcionar a experiência de como um cego sente o mundo ao seu redor. Os sons altos, as imagens turvas, embaçadas e até mesmo perturbadoras, são agoniantes em alguns momentos.

Blake Lively teve uma boa entrega e é o grande destaque do filme. Achei muito interessante a linha evolutiva de sua personagem. Ela começa frágil e doce, para depois se tornar sexy, intensa e imprevisível. Chega a dar medo. Você não sabe do que ela é capaz e o quão perturbada ela está por conta da visão.

Jason Clarke tem uma atuação discreta e que faz jus a personalidade sem graça de seu personagem. Ele vive um homem controlador que se disfarça de bom marido através da cegueira da esposa. Partindo dessa informação, posso dizer que o casal tem problemas sérios e vive momentos bem tensos.

Por Trás dos Seus Olhos começa despretensioso e vai ganhando corpo e se transformando em uma história perturbadora. A violência física só não é maior do que a psicológica, que é ainda mais letal e destruidora. Conforme a trama vai se desenvolvendo, o diretor traz elementos que acompanham a loucura dos acontecimentos. A trilha sonora também apoia muito bem a história.

Se você gosta de assistir um filme despretensioso que toma corpo e se transforma, confira Por Trás dos Seus Olhos e passe a enxergar o mundo a partir do olhar de Blake Lively.