Lady Bird

No dia 15 de fevereiro, chega aos cinemas Lady Bird: A Hora de Voar, um filme que concorre ao Oscar 2018. Fique tranquilo essa crítica NÃO CONTÉM SPOILERS!

Siga nossas redes sociais:

Mas afinal, o filme é bom?

Christine McPherson (Saoirse Ronan) está no último ano do ensino médio e o que mais deseja é ir fazer faculdade longe de Sacramento, Califórnia, ideia firmemente rejeitada por sua mãe (Laurie Metcalf). Lady Bird, como a garota de forte personalidade exige ser chamada, não se dá por vencida e leva o plano de ir embora adiante mesmo assim. Enquanto sua hora não chega, no entanto, ela se divide entre as obrigações estudantis no colégio católico, o primeiro namoro, típicos rituais de passagem para a vida adulta e inúmeros desentendimentos com a progenitora.

De todos os filmes indicados ao Oscar 2018, considero esse o mais fraco. Lady Bird conta a história de crescimento e amadurecimento da protagonista. Porém, o longa peca ao construir mal a personagem e não desenvolvê-la de forma coerente e plausível. Durante todo o filme, tive a sensação de estar vendo a história de uma menina problemática mimada e revoltada sem justificativa. Ela fez escolhas erradas? Todos fazemos, mas isso não é motivo para chutar o balde.

O desabrochar para a vida que o filme tenta passar é muito surtado e causa estranheza. Por que ela é assim? Sua família tem problemas como outra qualquer, mas nada tão grave que justifique o comportamento da menina. Sabe aquele famoso rebelde sem causa? Essa é Lady Bird.

As atuações não são marcantes e nenhuma causa impacto. Saoirse Ronan segura bem o filme dentro da proposta do roteiro. Ela tem momentos divertidos, surtados, emotivos e no fim das contas faz um bom trabalho. Destaco sua interação com a mãe vivida por Laurie Metcalf. As duas se destacam em relação ao restante do elenco e protagonizam bons momentos juntas.

Como comédia, o filme é fraco. Como drama reflexivo também. Lady Bird é um longa feito para as mentes cults e intelectuais que vão saber apreciar o desabrochar para a vida da protagonista. Não foi o meu caso, mas caso essa seja a sua vibe, você irá se divertir.

Depois que assistir volte para nos contar a sua opinião!