O Touro Ferdinando

Essa semana chegou aos cinemas a nova animação da Fox Films, dirigida por Carlos SaldanhaO Touro Ferdinando. Fique tranquilo essa crítica NÃO CONTÉM SPOILERS!

Siga nossas redes sociais:

Mas afinal, o filme é bom?

A trama acompanha a jornada de Ferdinando, um touro que foi confundido com um animal perigoso, e é capturado e levado de sua casa. Com a ajuda de uma equipe desajeitada, ele embarca numa aventura de volta para a casa.

O Touro Ferdinando é uma gostosa animação para toda a família. O personagem é fofo, bondoso e luta por aquilo que acredita. A mensagem central da animação é importante para as crianças e os jovens. Ferdinando é diferente dos outros touros. Ele é pacifista, amável e um adorador das flores e do campo. Numa época na qual temas como bullying e preconceito encabeçam o topo da lista de assuntos mais discutidos, o longa tem o papel de empoderar a diferença e aceitação.

A parte visual da animação é muito bonita e bem feita. Os traços e animações são encantadores e fazem brilhar os nossos olhos. Ferdinando é fofo e amistoso. Logo nos primeiros minutos nos identificamos e conectamos com ele. O protagonista esbanja carisma.

O roteiro do filme deixa um pouco a deixar. A jornada de Ferdinando é simples, mas no decorrer do longa a história dá uma caída e peca ao enrolar e introduzir elementos desnecessários para a trama, como é o caso dos cavalos, da cena de perseguição na cidade e o mini concurso de dança. Tudo isso serviu para florear, mas acabou não agregando.

O elenco de dubladores é impecável. Destaco a atuação de Thalita Carauta como a cabra Lupe. A personagem é muito carismática e rouba a cena em vários momentos. Maisa também fez um bom trabalho.

Em linhas gerais, O Touro Ferdinando é uma animação divertida, fofinha e que vale a pena ser vista nos cinemas.

Depois que você assistir volte para nos contar a sua opinião, ok?