It 2

No dia 07 (quinta-feira), chega aos cinemas o remake de It: A Coisa, o novo filme do diretor Andy Muschietti, que é conhecido por seu trabalho em Mama. Fique tranquilo essa crítica NÃO CONTÉM SPOILERS!

Andrés Muschietti e elenco

Siga nossas redes sociais:

Mas afinal, o filme é bom?

Quando misteriosamente as crianças começam a desaparecer na cidade de Derry, no Maine, um grupo de crianças se reúne para enfrentar o palhaço dançarino, Pennywise (Bill Skarsgård). O longa é uma mistura de terror e suspense e adapta a obra de Stephen King.

Lançado em 1990, o primeiro It: Uma Obra-prima do Medo é um clássico do cinema de terror. A Warner Bros Pictures abraçou o desafio e resolveu revitalizar a franquia. A tarefa não seria nada fácil e ainda contaria com os olhares dos fãs de Stephen King.

Começando pelo vilão do filme, o remake conseguiu modernizar e tornar ainda mais horripilante e assustadora a versão do Pennywise interpretado pelo ator Bill Skarsgård. Ele está realmente tenebroso. Bill conseguiu transmitir com muita qualidade o terror psicológico e o sadismo do vilão. O visual é outro ponto que preciso destacar. A maquiagem, os efeitos especiais e a forma como ele trabalha a voz, são de arrepiar a espinha. Ficamos o filme inteiro apreensivos, mas ao mesmo tempo vibrando com as suas aparições.

Um dos principais acertos da produção foi na escolha do elenco. Os atores mirins que dão vida a Bill Denbrough (Jaeden Lieberher), Richie Tozier (Finn Wolfhard), Ben Hanscom (Jeremy Ray Taylor), Beverly Marsh (Sophia Lillis), Stanley Uris (Wyatt Oleff), Mike Hanlon (Chosen Jacobs) e Eddie Kaspbrak (Jack Grazer) são maravilhosos. Que criançada talentosa. As atuações são maduras, cheias de carisma e naturalidade. Pareciam que eles já eram amigos e se conheciam há muito tempo. Além de nos divertir, envolver e emocionar, eles deram um show em tela.

Se você está esperando sair morrendo de medo da sessão, fique calmo. A forma como o longa trabalha as emoções não é convencional. It: A Coisa é uma obra que vai muito além dos clichês do cinema de terror. Os sustos, as cenas “pré-ataque” do vilão e o uso da trilha sonora existem. Porém, é interessante como o filme explora as relações humanas e utiliza muito bem o terror psicológico em sua trama. A produção é completamente diferente dos outros filmes do gênero, o que a torna única e valiosa.

O longa é diferente da maioria dos filmes de terror que vemos por ai. Ao invés de apresentar uma trama fraca e que só se sustenta com base nos sustos e no medo criado em cena, o roteiro de It: A Coisa é interessante e cativante. Você se envolve com a história logo nos primeiros minutos e fica apreensivo até o final. Tudo se encaixa, tudo se amarra e tudo culmina num grande confronto entre o indivíduo e o seu maior medo.

Outro ponto interessante foi a forma como Andy Muschietti trabalhou as cenas. A cenografia, os takes e ângulos de câmera foram muito bem projetados para nos levar para ao encontro da Coisa. O diretor nos conduz durante essa jornada através de suas lentes. E ainda falando sobre o cenário, a casa do Pennywise um dos grandes destaques do filme. Precisa ter muita coragem para entrar nesse lugar e enfrentar os seus demônios.

Muitos fogem desse filme por conta da Coulrofobia (fobia de palhaços). E posso dizer a vocês que isso é completamente compreensível. Para quem tem esse medo, o longa é um desafio e tanto. Em It: A Coisa, o icônico personagem é retratado de uma forma impressionante e marcante. Dificilmente você sairá da sessão sem a imagem do Pennywise em sua cabeça ou até mesmo sem repetir a famosa frase: “você também vai flutuar”. Portanto, prepare-se antes de assistir, ok?

Posso dizer a vocês que a Warner Bros Pictures nos presenteou com um dos melhores filmes de 2017. O remake revitalizou a franquia, apresentou ao mundo grandes atores mirins que merecem ter as suas carreiras desenvolvidas e acompanhadas por nós e de quebra, deu um excelente pontapé inicial para a continuidade de uma franquia consagrada no passado. Tudo o que eles fizerem daqui pra frente com esse produto merece a nossa atenção.

Não deixe de assistir esse filme nos cinemas. Também vale a pena rever o longa de 1990 para comparar com o atual. It: A Coisa chega aos cinemas no dia 07 de setembro.