Fala galera! Chegou ao fim a 1ª temporada de Deuses Americanos e vamos falar o que achamos. Se você não está atualizado com a série, CUIDADO, SPOILERS ABAIXO!

 

Mas e ai, a 1ª temporada atendeu as expectativas?

Deuses Americanos adapta o Best seller homônimo de Neil Gaiman e tivemos apenas 8 episódios nesta primeira temporada, que mostra o início de uma guerra entre Deuses.

Destaque para a atuação de Ian Macshane, que descobrimos ser Odin no último episódio. Sua performance é um dos pontos altos desta primeira temporada. Enigmático e sarcástico, fica difícil saber o que ele quer exatamente.

Aliás, a escolha do elenco é de se impressionar. Temos Crispin Glover como Mr. World, Bruce Langley como Technical Boy e Gillian Anderson como Media. Ricky Whittle (Shadow Moon) também está muito bem e ele já tinha feito um bom papel em The 100.

Outros pontos positivos e que impressionam são os efeitos visuais e a fotografia da série. Não ficam atrás de grandes séries da HBO, por exemplo. Para citar alguns, temos o búfalo de olhos flamejantes, as cenas de pós morte no deserto e os “bonecos” sem rosto.

Agora a história como um todo me pareceu bastante arrastada em vários momentos. Óbvio que o maior motivo é extender a série para mais temporadas. Só que isso muitas vezes cansa. Tem episódios inteiros que poderiam ser resumidos em 20 minutos.

O episódio final respondeu muitas perguntas, mas também deixou várias em aberto. Mr. Wednesday/Odin é bom ou mal? Qual o seu interesse em Shadow e ele também é um Deus? Por que ele matou Laura?

A guerra e provavelmente a maior parte da ação ficou para a próxima temporada. Esperamos que as perguntas sejam respondidas e que a batalha finalmente avance.

Você gostou da 1ª temporada de Deuses Americanos? Quais são as suas expectativas para a próxima? Conta pra gente!