CCXP Tour Nordeste da pontapé inicial para levar o evento geek ao redor do mundo (e nós iremos junto)!

Infelizmente chegou ao fim mais uma Comic Con Experience meus amigos. A 4ª edição levou evento para fora de São Paulo, aterrizando em Recife na CCXP Tour Nordeste.

E ai, o evento foi bom?

Assim como a Comic Con, essa foi a minha 4ª edição do maior evento da América Latina. Tive o privilégio de estar presente no nascimento desse sonho em São Paulo e ver a evolução e notoriedade que a CCXP vem ganhando, e afirmo a vocês, é disso que o povo brasileiro precisava.

O Nerd Break esteve presente nos 4 dias do evento mais porreta de Recife, fotografando, fazendo insta stories, gravando vídeos (em breve o nosso especial irá pro ar), participando das atividades dos estantes, painéis e é claro, fazendo compras.

A CCXP Tour Nordeste me lembra muito da primeira edição que aconteceu em 2014 em São Paulo. O povo pernambucano (segundo maior pólo nerd do Brasil, segundo pesquisas) recebeu de braços aberto a organização e vestiu a sua cidade com a cara do evento. Por onde passávamos víamos totens, outdoors e todo tipo de comunicação espalhada por Recife, foi bonito de ver!

O Centro de Convenções Pernambuco acomodou bem as várias atrações que a CCXP trouxe. Tenho que destacar o Artists’ Alley, que teve a melhor disposição feita até hoje. Sempre cheio de fãs, a área destinada aos quadrinistas conseguiu proporcionar uma fluidez e praticidade na locomoção nunca vista antes, além de trazer grandes artistas consagrados e independentes que nos impressionaram com a sua arte.

Outro ponto alto do evento foi o auditório Twitch, que apresentou uma estrutura aconchegante e proporcionou uma experiência mais intimista (por ser menor do que São Paulo) ao público, possibilitando que os fãs ficassem bem próximos aos artistas.

Quando falamos de CCXP a primeira palavra que vem a cabeça é: conteúdo exclusivo, e isso teve de sobra. Dá gosto de ver os grandes estúdios como Fox, Warner, Netflix e Disney trazendo material nunca visto no mundo para o Brasil. Aproveitando o gancho dos painéis, esses gigantes da indústria do entretenimento também deram um show com seus estantes e atividades.

Não posso deixar de prestigiar o trabalho dos Cosplays, que sempre marcam presença na CCXP e a cada ano se superam e dando um show com suas caracterizações. É realmente muito bacana de ver!

Concluindo, a CCXP mostrou que tem potencial para levar seu evento Brasil (ou até mundo) a fora. A entrega atendeu as nossas expectativas, surpreendeu em alguns pontos e acima de tudo isso, manteve o padrão de qualidade do evento. Respondendo a pergunta inicial, não foi bom, foi porreta e épico.

A CCXP vem ai, de 07 a 10 de Dezembro no Expo São Paulo. As vendas abrem no dia 09 de Maio, você vai ficar de fora dessa? Acho melhor não!

Leia também:

Até a próxima e Viva o Épico!