Fala galera! Prison Break está de volta e nós vamos falar o que de melhor aconteceu no primeiro episódio do retorno. Vem comigo saber mais! CUIDADO COM OS SPOILERS!

A volta de Michael Scofield

Na volta da série exibida entre 2005 e 2009, depois da suposta morte de Michael Scofield (Wentworth Miller), Sara (Sarah Wayne Callies) seguiu sua vida com seu filho e seu novo marido (Mark Feuerstein). Para você que não assistiu as temporadas anteriores, recomendo assistir para entender todo o contexto e não ficar perdido na história.

O episódio começa com Lincoln Burrows (Dominic Purcell) novamente com problemas de dívidas e fugindo dos cobradores, enquanto T-Bag (Robert Knepper) cumpriu sua pena na cadeia e está sendo liberado. Não sem antes receber um pacote com indícios de que Scofield estivesse vivo.

O assassino então leva a pista para Lincoln, que obviamente vai ao encontro de Sara para falar sobre a descoberta. Após o reencontro, o irmão mais velho também descobre que o túmulo de Michael estava com um corpo falso e resolve ir para o Iemen tentar reencontrar Michael, com a ajuda de C-Note.

Troca de papéis

O episódio não trouxe grandes novidades porque já sabíamos que Michael voltaria com todas as notícias e vídeos divulgados. A novidade foi ver T-Bag querendo ajudar os irmãos e Lincoln no papel de idealizador da fuga do irmão.

Entendo que é só o primeiro episódio, mas o que os fãs querem ver são novas histórias e não algo que já foi utilizado anteriormente (e muito bem, por sinal). Os roteiristas terão que trabalhar bastante para não ficar repetitivo.

Já se percebe que teremos uma nova organização criminosa atrás da família e que Michael não reconhece seu irmão e sua identidade. Isso pode ser um ponto bom a ser explorado.

E vocês, o que acharam do retorno da série? Gostaram da troca de papéis? Deixem seus comentários para a gente.

Leia mais:

Até a próxima!