Assassino a Preço Fixo 2

E aí meus amigos nerds, estão preparados para a estreia dessa semana? Ok, vamos lá. Assassino a Preço Fixo 2  – A Ressurreição, com Jason Statham, é a bola da vez.

Vindo de um primeiro filme onde tudo já parecia resolvido, Arthur Bishop (Jason Statham), um assassino aposentado, está vivendo escondido há cinco meses no Rio de Janeiro. Um ponto positivo para a trama é que, diferente de tudo o que vemos sobre o Brasil, a produção mostra uma parte bonita do Rio. Nas cenas não aparecem favelas ou mulatas rebolando ao som do samba. E convenhamos, o pão de açúcar é lindo! E tem mais, o Jason arrisca umas palavras em português.

 

A trama começa quando Bishop é descoberto por uma capanga de Riah Crain (Sam Hazeldine), que quer que ele retorne para a vida do crime, e elimine três alvos que atrapalham seus negócios.

O filme até que começa bem, empolga, mas logo deixa o público cansado e desmotivado, a trama é fraca e mal explicada.

O roteiro tem muitos furos, como na aparição de Jessica Alba, completamente sem sentido, com um papel apático, mas que rouba a cena com a sua beleza. Pra que ela está ali mesmo? Bishop se apaixona (claro) e aí o filme descamba. Ele confia um relógio herdado de seu pai a uma garota que apenas passou a noite. Como assim? E tem mais, toda a história gira em torno disso, o mocinho tentando salvar a mocinha. A motivação é péssima e não fica clara. Tommy Lee Jones aparece no filme com um visual constrangedor e sem um motivo lógico é poupado da morte.

Algumas cenas de ação parecem questionar a inteligência do público, são extremamente forçadas. Jason Statham faz coisas impossíveis em tempo record. É impressionante, ele sempre tem uma maleta a mão com vários passaportes e armas. Por outro lado, as cenas de lutas são bem interessantes, Jason é ágil, desce a porrada em todo mundo, parece de verdade, chega a ser brutal.

O vilão Crain, não convence, mesmo assim o filme dá muita importância na luta contra Bishop. Poxa, o cara deu pancada em tanta gente, e apanha de um almofadinha?

Assassino a Preço Fixo 2 – A Ressurreição, foca mais na ação do que no entretenimento, é um bom filme pra você ver em casa, com o home theater alto em um sábado à noite e só.

Já que deixamos a pipoca para outro filme, conte pra a gente o que você irá assistir no cinema essa semana.