Afinal, Naz é ou não é inocente?

Se você acompanhou The Night Of até aqui, viu a confusão que foi o desenvolvimento do caso, devido às muitas pessoas que queriam “ajudar” Naz a ser inocentado ou a pegar uma sentença menor. Após a fracassada tentativa de acordo, a qual ele recusou por acreditar ser inocente, fica a cargo dos advogados John Stone e Chandra a procura por pistas para tentar ajuda-lo a sair desse terrível pesadelo, no que até aqui considero o melhor episódio da série.

the night of_imagem13

Mas afinal, Naz é ou não é inocente? A série continua tendo sucesso em nos confundir em relação a essência do personagem. Na semana passada, a dinâmica entre Nasir e os outros presos teve um desfecho: após sofrer um ataque, Naz pede proteção ao Freddy. Com esse novo capítulo em sua trajetória na prisão, ele nos mostra uma natureza violenta ao espancar o prisioneiro que tentou queimá-lo e ao desafiar outros quando vai assistir TV. Tá certo que essa reação pode ser reflexo  da sensação de injustiça, mas ainda sim  é intrigante a forma como ele assumiu tão rápido a faceta de um prisioneiro.

the night of_imagem19

Vemos também que essa proteção não é de graça, pois Freddy começou a pedir favores. Não sei vocês, mas acho que Naz ainda vai se meter em encrenca por causa dessa companhia. John já percebeu isso, mas infelizmente não pode fazer nada para ajudá-lo, além disso, o fato de uma substância ter sido encontrada apenas no corpo de Nasir e não no da Andrea, faz com que a confiança advogado–cliente tenha sido abalada.

the night of_imagem20

Para mim esse foi um dos melhores episódios até aqui, pois, com o desenvolvimento do processo, tanto o detetive quanto os advogados começaram a fazer a reconstituição do caso, avaliando a noite do assassinato como um todo e verificando as testemunhas que podem ajudar e/ou atrapalhar os argumentos da defesa e da promotoria.

the night of_imagem18

Destaco aqui a malandragem do advogado John Stone. Acostumado com as ruas, ele sabe se portar diante de ladrões e pessoas que venham a ter alguma ‘pendência’ com a lei, não é mesmo? Só que o último gancho do episódio deixou uma certa preocupação com o que vai acontecer com ele. Será que ele achou o real assassino da Andrea? Vocês entrariam naquele beco para ir atrás do suspeito? Eu não!

Se por um lado, os advogados podem conseguir ajudar Naz a ser inocentado, por outro o pai do protagonista está sendo pressionado pelos outros donos do táxi a acusar o filho de roubo e assim reaver o carro, que está detido pela polícia. Essa acusação, por mais que Salim Kahn não queria fazê-la, com certeza vai ser uma carta na manga da promotoria durante o julgamento para tirar a imagem de bom moço do Naz, que já raspou a cabeça e ainda vai ser acusado como usuário de drogas.

the night of_imagem17

Resta saber agora o que acontecerá com John, se ele achou o real assassino de Andrea ou se Naz realmente fez tudo o que está sendo acusado. Faltam três episódios para a série acabar e digo a vocês, a curiosidade por esse desfecho só aumenta.

O que acharam desse episódio? A promotoria conseguirá culpar Naz pela morte de Andrea? Acompanhe com a gente a série The Night Of!

Até a próxima!