Ontem (17) foi ao ar o segundo episódio de The Night of na HBO. Nele, vimos o andamento do caso do Nasir Khan, ou Naz, que foi acusado de assassinar brutalmente uma garota. O relacionamento entre Jack Stone (John Turturro) e Naz (Riz Ahmed), como passamos a chamá-lo, foi trabalhado, agora que a relação advogado x cliente se faz necessária para o processo de defesa do acusado. CUIDADO, ALERTA DE SPOILERS ABAIXO!

Naz
Jack Stone e Naz

Aproveito aqui para destacar a forma como os roteiristas fizeram para que em apenas dois episódios já tivéssemos uma identificação com o protagonista, mesmo não sabendo se ele é culpado pelo crime ou não. O ator conseguiu passar a face de um jovem adulto de 23 anos, que está assustado e não sabe o que fazer no ambiente hostil em que se encontra, presenciando inclusive a crueldade de outros detentos com os quais teve contato.

O interessante é que Naz não sabe quem realmente o está ajudando, pois por um lado há um detetive que demonstra boas intenções, mas que não deixa claro se quer ajudar o acusado ou não, e por outro há um advogado que, segundo o próprio detetive falou para Nasir, só enxerga o caso como uma oportunidade de ganhar dinheiro e receber reconhecimento. Aliás, a série está dando muito destaque para a micose naquele pé dele, não é mesmo?

Naz

Apesar dessa interessante dinâmica, achei o episódio parado, com um lento desenvolvimento e apresentação dos personagens, mesmo que isso represente fielmente como funciona o sistema carcerário americano: lento, sujo e cruel. Ainda sim, a série consegue prender a atenção, num ambiente de tensão e aflição por não saber o que vai acontecer com o carismático (para alguns e não para outros) protagonista. Isso está estampado na forma como os pais de Naz se demonstram angustiados ao encontrar o filho nessa situação, acreditando que ele não é culpado, mas não sabendo o que realmente aconteceu.

Naz
Os pais de Naz

Mais uma vez recomendo que assistam The Night Ff, pois os roteiristas estão desenvolvendo uma boa história, ainda mais com atores que até o momento têm demonstrado grande talento para dramaticidade. Diria que só pela fotografia, já valeria assistir a série. Dessa vez, o episódio termina com Naz chegando na prisão de Rikers Island, a segunda maior dos Estados Unidos. Só sei que não consigo parar de achar que Naz é inocente. Vamos ver o que acontecerá no episódio da semana que vem.

E você, está ansioso para ver o próximo episódio? Acha que Naz é inocente? Conta pra gente o que você achou da série até agora.

Até a próxima!