arrow-4-temporada
4ª temporada
Oliver, você falhou com a 4ª temporada!

Quem está com saudade de Arrow? Não estou falando da 4ª temporada que acabou de acabar, me refiro a verdadeira série do Arqueiro Verde que me conquistou há alguns anos atrás. Antes de continuarmos, se você não está atualizado com a série, volte para ler esse post depois de assistir o season finale. CUIDADO, ALERTA DE SPOILERS ABAIXO!

Graças aos céus chegou ao fim a 4ª temporada de Arrow, você já leu o nosso post comentado do season finale? Clique aqui. O quarto ano da série conseguiu ser pior que o anterior, e olha que o arco arrastado do Ra’s Al Ghul já foi ruim, mas o troféu de pior vilão vai para Damien Darhk.

Sem carisma, sem plano, com motiva rasa e mal desenvolvida, o vilão da temporada não convenceu e olha que não foi por falta de tentativa, ele teve 23 episódios pra mostrar a que veio, mas não mostrou.

O que aconteceu com Arrow?

Me pergunto isso a cada episódio. A série parece ter entrado num bloqueio criativo e tem falhado em vários pontos. Coreografias canastronas, vilões militares repetitivos, flashbacks cansativos e sem propósito e personagens em tela sem desenvolvimento. Isso é tudo o que NÃO queremos ver no próximo ano. CHEGA da ilha e de todos os pontos citados acima.

Nem vou falar do Olicity, pois já me convenci que sem Felicity Smoak o Team Arrow é um bando de vigilantes em trajes de Halloween que não sabem o que fazer. Isso não quer dizer que eu apoie o casal. Isso só reforça minha frustração em relação ao Arqueiro Verde que anseia ser o Batman. Produtores PAREM de tentar transformar Oliver Queen em Bruce Wayne. A principal mudança da série começa por ai.

Espero que os eventos do season finale de The Flash afetem Star City e isso dê uma mexida nessa novela mexicana que a série se transformou. Nunca imaginei que diria isso, mas, tragam a Laurel de volta. O Slade e o verdadeiro Malcolm também.

O único ponto positivo da temporada fica a encargo de Thea Queen que cresceu demais na história. Uma pena ela abandonar o time. Roy Harper retornará, mas o verdadeiro manto do Arsenal é da Speedy.

O que você achou da temporada? Quais são as suas expectativas para o próximo ano? Deixe a sua opinião nos comentários!

nota-1